Olá galera, levanto este tópico para falarmos sobre um assunto que vem sendo comentado por muitos recentemente, o famoso tema: “Anúncios Duplicados”.
Ao acessar a URL:
http://contato.mercadolivre.com.br/ajuda/An-ncios-duplicados_2518
Do Mercado Livre, temos a seguinte mensagem:
Pois bem o que dizer sobre, e o que pensar sobre.
Não sabemos ao certo desde quando existe essa regra no Mercado Livre, no entanto parece ser mais recente do que as demais.

Mas como seria feita essa verificação e por quem seria feita essa verificação?.
A equipe do Mercado Livre irá verificar? Como? Através de denúncias?.

Eis as perguntas que não cessam!
Se for por esse método como todos já sabem os dois lados estão sujeitos a se enquadrarem nesta regra, tanto vendedores mal intencionados quanto vendedores bem intencionados.

O que pode ser “considerado mau” e “considerado bom”.

Alguns vendedores duplicam/replicam/multiplicam um anúncio várias vezes e idêntico, tentando tirar vantagem com a poluição visual na tentativa de dominar a página ao buscar um produto oferecido pelo mesmo.
Por outro lado, alguns bons vendedores praticam tal hábito de forma que tendem à apenas oferecer particularidades distintas, por exemplo um anúncio normal e outro com frete grátis.
Será possível fazer um filtro do certo e do errado, separar o joio do trigo? Ainda não sabemos!.

O que seria viável se for administrado pelo sistema automático do ML:
Se um anúncio for criado com o mesmo título, na mesma categoria, permanecendo sem nenhuma alteração por algumas horas ou dias, o mesmo deverá ser retirado da lista.

Link alternativo sobre anúncios duplicados:
http://contato.mercadolivre.com.br/ajuda/politica-para-cadastramento-de-anuncios_s1011#2518

Informativo recebido por e-mail para alguns usuários:

Anúncios Dúplicados [Verdade ou Mito]?!
  • Wagner

    o link para o aviso é: http : / / contato . mercadolivre.com.br / ajuda / An-ncios-duplicados_2518

  • Bomfin

    A exemplo das fotos com marca d’agua que foram proibidas a um tempo atras, a duplicação ou multiplicação de anúncios não será coibida, não conheço ninguém que sofreu retaliações por manter fotos com marca d’agua, e com a duplicação de anúncios não será diferente.

    • Felipe Honroato

      Bom dia Bomfin, também compartilho da mesma opinião, o ML não tem como controlar isso assim como não controlou as marcas D’agua.

      • Bomfin

        Tenho minhas dúvidas, de qualquer forma, penso que se essa prática tivesse incomodando a eles de alguma forma, já teriam deixado uma notificação na pagina inicial do ML, por outro lado, não achei nos termos e condições, o artigo que proíba a utilização de fotos com marca d´agua, só uma alusão a como tirar boas fotos dos seus produtos, no entanto é uma prática proibida, parece que as coisas não estão bem claras, por enquanto.

    • Leonardo

      todas as minhas imagens possuem marca d’água e até hoje não tive nenhum anúncio retirado do ar ou punido por conta disso… São marcas bem sutis, mas ocupam boa parte da imagem.

      • Bomfin

        à medida que posso, vou substituindo as fotos que tenho com marca d’agua, (e tenho muitas) desconfio que de alguma maneira elas podem interferir na posição das listas, dificilmente vejo um anúncio com fotos que contenham marca d’agua nas primeiras posições de busca.

    • Marcelo

      Eu usava molduras bastante chamativas e, na época, recebi vários emails pedindo para tirar. Hoje em dia só uso a foto oficial do fabricante mesmo.

  • Leonardo

    Fofocas de bastidores apontam a contratação do Robô Vivi (o mesmo utilizado pela OLX), portanto ela será responsável por identificar anúncios duplicados…
    kkkkkk

    Brincadeiras a parte, acredito que é só mais uma “lei para inglês ver”, pois duvido da capacidade deles em detectar anúncios duplicados e tomar alguma providência… Se tivessem essa capacidade, já teriam ativado algum filtro pra isso!

    • Bomfin

      Como foi dito acima, não se sabe exatamente em que época essa restrição foi criada, se for coisa antiga, só através de denúncias a pena pode ser aplicada, agora, se for coisa nova, o que é bem provável, pode ser sim que eles tenham um mecanismo para identificar anúncios duplicados, principalmente os que tem aos milhares, já para quem tem anúncios com duas, três opções, com forma de pagamento diferente e frete grátis, acho que não pega nada. Mas, como se sabe, não podemos desprezar nenhuma das alternativas, de repente eles mudam tudo, ai não adianta chorar, pois a proibição consta na cartilha de termos e condições deles.

  • Esta é uma regra antiga, muito anterior às últimas mudanças do ML. Da época onde os pagamentos em sua maioria eram combinados entre os vendedores e muitas vezes utilizavam-se de artifícios do tipo: dê o lance no anúncio com valor menor para receber meus contatos. Esta regra já existia junto com a outra onde era proibido anunciar produtos com preços diferentes no mesmo anúncio e era permitido anunciar produtos diferentes desde que tivessem o mesmo preço (hoje este último não é mais permitido).

    Esta questão de anunciar o mesmo produto mais de uma vez sempre foi problema e o ML penaliza rebaixando os anúncios na listagem se o título for exatamente igual. Se tiver alguma diferença, não existe penalidade atualmente.

    O desejo do ML é que os vendedores tenham todo o seu estoque anunciado no ML e para isso eles vem trabalhando para oferecer mais opções, como a não cobrança por anúncios e sim por vendas, variações customizadas, etc.

    Eu acredito que ter vários anúncios do mesmo produto realmente possa ser um problema para eles, mas eles tem outras questões para tratar e que seriam “mais problemáticas” no momento. Atualmente, para o modelo de negócio deles, quanto mais visitas os anúncios gerarem para eles é melhor, pois o desejo deles é se consolidarem como a maior plataforma de e-commerce no Brasil e por consequência na América Latina.

    Quanto mais confiança o consumidor demonstrar em comprar através do MercadoLivre, para eles é melhor. Esta questão de anúncios replicados só passará a ser problema se isso interferir na confiança do consumidor. A busca pode até ficar confusa para nós, mas para os consumidores gerais, a sensação é que é uma plataforma que oferece muitas opções e quanto mais opções, melhor para ele (consumidor), pois normalmente ele não tem essa visão que é o mesmo vendedor anunciando 1000 vezes um produto que ele tem apenas 50 unidades, por exemplo.

    • Olá @di_genes_lima:disqus ótima abordagem.
      Realmente temos vários motivos para acreditar que o consumidor ficará feliz em ver vários anúncios idênticos do mesmo vendedor, partindo do princípio que alguns não sabem que ao lado do produto tem a opção calcular frete, sendo que a maioria dos vendedores oferecem Mercado Envios.
      Agora é interessante para todos realmente?.
      Existem alguns pesos nessa questão de “poluição visual”, os vendedores que não o praticam por motivos óbvios, os consumidos que sabem escolher acabam por ficarem “chateados” em ver sempre a mesma coisa e ter que rodar listas para achar o mais conveniente, pois se tratando do mesmo vendedor é dificil ele ter outras opções já que é tudo “igual”, e ele é da mesma localidade.
      E para o Mercado Livre, agora que não precisa pagar tarifa por anúncio, qual a vantagem se ele não tiver vendas.
      Antigamente no anúncio prata por exemplo faria sentido, eles iriam ganhar muito dinheiro.
      Se o vendedor possui pouco estoque, com muitos anúncios para controlar é dificil com certeza terá problemas tanto para ele quanto para o Mercado Live ao realizar uma venda e o dinheiro da mesma ser devolvido por não ser concretizada devido a falta de estoque.
      Enfim realmente o ML possui “problemas maiores”. Mas esse em questão não deixa de ser um problema.
      Eu não gostaria de entrar em uma loja física em que os produtos repetidos estão espalhados por todos os lugares para parecer que tem bastante variedade sendo tudo igual, a não ser que fosse um Supermercado.

      • Eu concordo que muitos casos geram poluição visual. Na época que os anúncios eram cobrados eu ficava bravo com um concorrente meu. Ele tinha 10 unidades do mesmo produto e anunciava 10 vezes com 1 unidade, enquanto eu anunciava uma vez só com umas 3 unidades e ia aumentando conforme vendia, devido aos casos de compradores que compravam várias vezes sem pagar.

        A estratégia do ML é que o consumidor encontre o produto que ele quer. Se ele vai comprar do vendedor A ou do B, não interessa tanto. O importante é que eles se firmem como a maior plataforma de e-commerce. O maior número de compradores hoje são os que não tem tanto conhecimento, que não sabem procurar tanto. São aqueles que vão mais naquilo que é indicado. Por isso vale tanto estar em primeiro nas buscas. Se a maioria soubesse buscar e fazer as contas de produto + frete, as maiores vendas seriam dos anúncios mais baratos, normalmente sem “frete grátis”.

        Se você analisar, essa foi a mesma estratégia de sucesso do Google e do Facebook. O importante é trazer as pessoas e mostrar que aqui ela encontra o que ela está procurando, mesmo que veja a mesma coisa várias vezes. Depois a gente refina as buscas (ou algoritmos) para aumentar a sensação de confiabilidade, mas isso é depois que a base de usuários estiver estabelecida. Aí passamos a cobrar de quem quer ficar em primeiro.

        Outro exemplo: hoje o ML paga para anunciar o produto no Google Shopping, se o anúncio tiver os dados exigidos. Isso é “de graça” para o vendedor, porque o ML vai lucrar com a venda. Desta forma eles aumentam o alcance das buscas deles e não se limitam somente à plataforma deles, mas utilizam os anúncios pagos do google.

        Essa questão de anúncios repetidos só vai entrar na lista de preocupações deles quando os compradores passarem a deixar de visitar o ML por ele ser poluído demais. Aí eles podem passar a fiscalizar e proibir esta prática, enquanto isso, quanto mais anúncios, melhor para eles.

  • Já tem um relato de pelo menos um vendedor que recebeu um email avisando sobre a Política para Cadastramento de Anúncios e informando que só são permitidos anúncios do mesmo produto se tiverem condições diferentes. Neste caso, pode ser que eu estava enganado sobre o que citei mais abaixo e que o ML já tenha começado alguma ação no sentido de inibir esta prática, nos casos abusivos, porém entre eles avisarem e realmente aplicarem alguma sanção só vai depender deles.

  • Corvo

    vai ser bem complicado identificar anúncios duplicados..
    em minha antiga conta o produto que eu mais vendia tinha vários anúncios, com titulo um pouco diferente em cada, preços diferentes, fotos em ordem diferentes.
    Se valia a pena nunca vou saber, tinha milhares de vendas em um anuncio, centenas em alguns, dezenas em alguns. alguns sem nenhum.. talvez se eu tivesse somente um anuncio estaria concentrada todas as vendas nele, talvez não…

    O que tinha mais vendas eu subia o preço, o que eu queria subir no rank de pesquisa eu baixava o preço, com essa eu conseguia praticamente dominar as buscas do produto, sempre apareciam vários anúncios meus
    e ai, estes anúncios seriam considerados duplicados? difícil saber…

    hoje com a conta nova já não estou fazendo isso até porque não tenho mais muitas unidades de um produto como tinha antes, mas acho que pro sistema anuncio duplicado vai considerar somente anuncio idêntico, se trocou alguma coisa no titulo, alguns centavos no valor, ordem das fotos, já não é mais duplicado
    os vendedores vão somente se adequando às novas regras e mudando um pouco a forma de dançar.

  • Marcelo

    Eu já vi que esse pessoal da “universidade” mercado livre diz que duplicar anúncios é uma boa, mas reparem logo no início desse vídeo(8 segundos). O cara tem 589 mil anúncios. Fala sério!!!! kkkkkkkkkkkkkkkkk

    • Caracolas, como que tu viu, ficou pausando? Eu tive que pausar para ver. Realmente com aquele tanto de anúncios ter só 76 perguntas, como diz meu avô tá mamão hein?. Cara será que é tudo produto distinto ou a maioria é replicado hehe, vish se for, como o ML permite umas coisas dessas….

      • Marcelo

        Eu vi que era um número grande, mas tive que pausar pra ver direito.

        Pensando bem, segundo a regra de só ser permitido anunciar produtos em estoque, o ML pode punir ele baseado nela, afinal com certeza ele não tem tudo isso no depósito kkkkk

        • Verdade, mas enfim você é do bonde que não dorme né. Não gosto de concorrentes. –‘

  • Analisando melhor o tema o Robô vai ser a Tay da Microsoft.

  • Wellington Alex

    Olá, nos termos e condições de uso do mercado livre diz o seguinte:

    04 – Modificações dos Termos e condições gerais
    O MercadoLivre poderá alterar, a qualquer tempo, estes Termos e condições gerais, visando seu aprimoramento e melhoria dos serviços prestados. Os novos Termos e condições gerais entrarão em vigor 10 (dez) dias após sua publicação nos Sites. No prazo de 5 (cinco) dias contados a partir da publicação da nova versão, o Usuário deverá comunicar-se por e-mail caso não concorde com os termos alterados. Nesse caso, o vínculo contratual deixará de existir, desde que não haja contas ou dívidas em aberto. Não havendo manifestação no prazo estipulado, entender-se-á que o Usuário aceitou os novos Termos e condições gerais de uso e o contrato continuará vinculando as partes.

    As alterações não vigorarão em relação às negociações e anúncios já iniciados antes de sua publicação, permanecendo, nestes casos, vigente a redação anterior.

    A parte final diz que as alterações nos termos não vigorarão em relação aos anúncios iniciados antes da publicação. Isso quer dizer então que se eu tiver anúncios antigos duplicados eu não preciso remove-los?

  • Tenho 13 anos de ML e todos estes termos e condições do site, não foram aplicados dês de o começo, foram manipulados no decorrer do tempo e das ações na justiça, as quais a empresa se sujeitou por diversos motivos… Nunca nos foi perguntado nada sobre a opinião a respeito destas normas, no mínimo ridículas e absurdas, que inventaram agora! Isso só vem a prejudicar a maioria da classe que usa corretamente o site, depende disso para o sustento, que muitas vezes é de mais de uma família. É tão abusivo e absurdo que não tenho palavras para descrever alguns fatos ocorridos. Levo muito tempo para montar um anuncio, entre escolha da categoria e descrições do mesmo, para que sane todas as possíveis duvidas dos compradores. Ai vem um infeliz e me informa; que foi baixado simplesmente por que o cabeçalho esta igual… Vou eu lá mudar das as estruturas de cabeçalhos… Ai vem outro infeliz e baixa novamente… PQP!!! Explica agora que não seria só os cabeçalhos e sim todo um conteúdo… Mas porque não desenha então??? Quem é o infeliz publicitário ou marqueteiro que definiu toda essa “PORCARIA” sem imaginar que uma ação desta, traria tanta incomodação??? Porque não esta explicado em desenho “IMAGENS”??? Volta pra faculdade pra tentar novamente ser um profissional de verdade!!! Sem noção de quanto tempo de trabalho você me subtraiu!!! Quanto você cobra ou ganha do seu tempo de suposto profissional??? Não é a toa que existam pessoas processando a empresa. Caras como este do vídeo que tem 500 mil anúncios é que o ML deveria concentrar maior atenção e redirecionar suas forças de horas de trabalho de seus colaboradores, a punir e processar por má utilização… Mas ai não querem né, provavelmente o que ele paga de comissões é mais visado do que os que utilizam corretamente… LAMENTÁVEL!!!

    • Vendo na maioria Patches, e são utilizados em diversas categorias: Para coletes militares, fardas militares, jaquetas militares e Motoqueiros, nos bonés, em roupas para customização, insignias, etc.. Os Bonés e coberturas; podem ser aplicados a diversas categorias; Capacetes militares, paintball, uniformes, camping, pesca, esportes, diversos outros e colecionáveis etc… Bandanas: motociclismo, Montanhismo, paraquedismo, ciclismo, camping, pesca, paintball, e mais infinitos usos…